As beldroegas podem ser consumidas em saladas, sopas, esparregado ou mesmo em chá.



As beldroegas (Portulaca oleracea L.) são consideradas por muitos uma erva daninha, que se encontra nas calçadas, em bermas de estradas e em alguns quintais. No entanto, poucas pessoas sabem que são uma das maiores fontes vegetais de ómega-3.
Têm folhas pequenas e suculentas e um sabor ligeiramente ácido (mais intenso se forem colhidas ao início do dia). Os caules, as folhas e as flores podem ser comidos crus ou cozinhados. São ricas em vitamina A e C, potássio e magnésio.
As beldroegas podem ser usadas em receitas de sopas, saladas, esparregado ou mesmo em chá.


Fonte: Nutrimento

Como identificar e cozinhar as beldroegas



Sopa de grão com beldroegas salteadas


Veja a receita aqui

Sopa de beldroegas com coentros


Veja a receita aqui

Sopa de beldroegas com arroz


Veja a receita aqui

Sopa de beldroegas


Veja a receita aqui

Arroz integral de tomate e beldroegas


Veja a receita aqui

Arroz de beldroegas e açafrão


Veja a receita aqui

Salada de beldroegas com tomate e cebola


Veja a receita aqui

Salada de batata com beldroegas e alcaparras


Veja a receita aqui

Leia também a entrevista com Alexandra Azevedo sobre a Natureza Comestível de Portugal

Partilha:

Comentários:

0 comentários. Diz-nos o que pensas

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.