Espanha: “Tolerância Zero” ao desperdício alimentar

Espanha: “Tolerância Zero” ao desperdício alimentar

2 de Agosto, 2022 0

O governo espanhol aprovou, em junho, uma nova lei contra o desperdício alimentar. Os restaurantes passam a estar obrigados a avisar os clientes que podem levar os restos da refeição.

A nova lei deverá ser implementada a partir de janeiro de 2023. Os restaurantes e os bares vão ser obrigados a oferecer aos clientes, sem custos, o que sobrou das refeições.

Todos os agentes envolvidos na cadeia alimentar terão de elaborar um plano de prevenção para garantir o máximo de utilização dos alimentos antes de chegarem ao lixo.

A doação para bancos alimentares e instituições de solidariedade social será a prioridade; no entanto, o que sobrar e não puder ser doado para consumo humano, deve ser transformado em compotas ou sumos, ou então ser usado para alimentar animais, para subprodutos industriais, para a compostagem ou para a produção de combustível.

Todos os anos, cerca de 1400 toneladas de alimentos são desperdiçadas em Espanha, ou seja, 21 Kg por pessoa o que representa cerca de 250 euros, de acordo com fontes oficiais.

Os restaurantes e os supermercados que não cumprirem a nova lei podem enfrentar multas entre 2 mil e 60 mil euros. Em caso de reincidência, a multa pode chegar ao meio milhão de euros.

Segundo as Nações Unidas, entre 8 e 10% das emissões de gases com efeito de estufa estão associadas a alimentos que não são consumidos.

Comentários
Siga-nos no Facebook, Instagram e Telegram!

Subscreva a nossa newsletter

[Newsletter Semanal]

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.