Irlanda aprova fim das quintas para produção de peles

Irlanda aprova fim das quintas para produção de peles

5 de Abril, 2022 0

A Irlanda é o mais recente país a proibir as quintas para produção de peles, depois da França, Itália e Estónia em 2021. As três quintas que existem no país deverão fechar ainda este ano.

O projeto de lei aprovado, a 29 de março, segue agora para o Presidente para se tornar oficialmente Lei.

Uma pesquisa independente já tinha mostrado que 80% das pessoas na República da Irlanda queriam que a criação de peles fosse proibida.

A crueldade da indústria de peles tinha sido exposta num relatório da Veterinary Ireland. O relatório considerou todas as evidências científicas e concluiu que, por razões de bem-estar animal, “deveria haver uma proibição imediata da criação de martas e animais selvagens semelhantes para a produção de peles”. O relatório da Veterinary Ireland baseou-se numa revisão científica abrangente publicada pela Respect for Animals, The Case Against Fur Factory Farming , que foi lançada no Parlamento Europeu.

“Este é um dia histórico para o bem-estar animal na República da Irlanda. Estou envolvido na campanha para acabar com a criação de peles na Irlanda há mais de 15 anos, então essa proibição está atrasada, mas é uma notícia fantástica para todas as pessoas que têm compaixão. Gostaria de prestar homenagem a todos os ativistas que ajudaram a tornar isto possível. Agora é essencial que os legisladores de todo o mundo – inclusive a nível europeu – tomem medidas urgentes para acabar com a crueldade das quintas de peles de uma vez por todas”, disse Mark Glover, membro do conselho da Fur Free Alliance e diretor da Respect for Animals.

Comentários
Siga-nos no Facebook, Instagram e Telegram!

Subscreva a nossa newsletter

[Newsletter Diária]

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.