A Câmara Municipal de Coimbra está a instalar 83 postos de parqueamento de bicicletas distribuídos pela cidade.

oficina self-service

A Câmara Municipal de Coimbra está a instalar 83 postos de parqueamento de bicicletas distribuídos pela cidade. O objetivo é que cerca de um terço desses postos seja instalado na envolvente da rede de ciclovias municipais, que já tem mais de 20 km. Esta rede viária liga polos importantes da cidade, tais como estabelecimentos de ensino, de saúde e zonas comerciais, equipamentos desportivos e pontos de articulação com transportes públicos.

Em curso está também a instalação de cinco oficinas de self-service, que incluem um suporte onde as bicicletas ficam suspensas, uma bomba de ar interna de alta qualidade com manómetro e as ferramentas essenciais para pequenas reparações.

A implementação desta rede de postos de parqueamento vai permitir um melhor desempenho do sistema ciclável, considerando a complementaridade dos diversos modos de transporte e promovendo o crescimento do número de pessoas sensibilizadas e que aderem à utilização da bicicleta nas suas deslocações diárias. Uma forma de reforçar o impacto da rede ciclável na redução do uso do transporte privado motorizado e, consequentemente, a emissão de gases com efeitos de estufa.

A autarquia tem seguido uma política de incentivo à utilização de bicicletas que justifica, pois, a aposta em estacionamentos seguros e bem localizados para esses veículos. Recentemente voltou a operar em Coimbra uma empresa que disponibiliza um sistema de partilha de trotineta, cujo conceito passa por disponibilizar estes veículos na medida das necessidades dos utilizadores para viagens de curta distância e deslocações diárias na área urbana.

A autarquia vai agora avançar com a criação de mais 18 km de ciclovia ao longo do leito periférico direito do Mondego, de forma a ligar as povoações que se localizam ao longo da EN111. Esta nova via vai ligar-se aos restantes 20 km de ciclovia já existentes que vão do Açude-Ponte até ao Vale das Flores e à Portela; aos 11 km que estão previstos serem executados do Açude-Ponte até ao concelho de Montemor-o-Velho, pela margem esquerda junto à estrada do Campo, onde se irá ligar ao restante percurso ciclável até à costa atlântica na Figueira da Foz; à ligação de 1,3km de ciclovia entre o Açude-Ponte e Bencanta; e, posteriormente, à ciclovia que será criada na estrada de Eiras.

Pode consultar o mapa da localização dos parqueamentos aqui.

oficina self-service

Subscrever a Newsletter

0 comentários. Diz-nos o que pensas

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.