A Câmara de Proença-a-Nova promoveu, no dia 21, uma campanha de troca de resíduos por plantas.

Pilhas

A Câmara de Proença-a-Nova promoveu, no dia 21, uma campanha de troca de resíduos por plantas.

“O objetivo desta iniciativa é, simultaneamente, alertar para a necessidade de reciclar objetos compostos por metais pesados, como é o caso das pilhas e das baterias, que não devem ser colocados no lixo comum, já que podem demorar até 500 anos a degradar-se, e promover a entrega destes produtos recebendo em troca árvores e arbustos”, explicou a Câmara, em comunicado.

“Assim, por cada 20 pilhas ou baterias, seis lâmpadas ou dois pequenos eletrodomésticos, será oferecida uma planta (árvore ou arbusto) de uma lista pré-estabelecida”.

Esta foi a segunda vez que o município de Proença-a-Nova promoveu a campanha “Troque Resíduos por Plantas”, sendo que no ano passado decorreu no dia 21 de março para assinalar do Dia Mundial da Árvore.

Na primeira vez, foram entregues no total 232 plantas em troca de 4002 pilhas e baterias, 716 tinteiros e 37 carregadores que foram dados à Escola Pedro da Fonseca para o projeto Eco Escolas.


Subscrever a Newsletter

0 comentários. Diz-nos o que pensas

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.