O objetivo é criar uma passagem segura para os morcegos da região.

Luzes led vermelhas

O condado de Worcestershire, em Inglaterra, decidiu instalar lâmpadas LED que emitem luz vermelha numa secção da estrada A4440, perto da reserva natural de Warndon Woodlands.

O objetivo é criar uma passagem segura, com 60 metros de largura, para os morcegos da região.

“Os estudos mostram que algumas espécies de morcegos não atravessam estradas iluminadas por luz branca, o que pode impedir o acesso a fontes de alimento e água”, explicou o Conselho Regional de Worcestershire.

“As luzes dos candeeiros de rua também atraem os insetos de que os morcegos se alimentam, reduzindo, desta forma, a comida disponível para estes animais e para outros mamíferos nas suas zonas de alimentação habituais.”

“Estas lâmpadas amigas da vida selvagem são vermelhas e utilizam uma ‘receita’ de luz especial que não afeta os morcegos, os seus padrões de voo e os seus hábitos alimentares”, disse o conselho. “Com as luzes vermelhas, os morcegos comportam-se normalmente, alimentando-se e movendo-se entre os seus habitats, como fariam no escuro. Isto ajuda a equilibrar o ecossistema local.”


Morcego-de-água (Myotis daubentonii) | Foto: Gilles San Martin

A visibilidade dos condutores e dos peões não é afetada pela luz vermelha, garante o conselho, acrescentando que o sistema de iluminação está totalmente conforme com as normas exigidas.

“A iluminação pode parecer um pouco diferente no início, mas queremos garantir a todos os que passem pela zona à noite que ela foi submetida a testes rigorosos e que cumpre todos os requisitos de segurança”, contou Ken Pollock, vereador local.

O condado apontou ainda outros esquemas de iluminação semelhantes, existentes nos Países Baixos, que produziram resultados positivos, ajudando a preservar espécies de morcegos e de outros animais noturnos.

Um destes exemplos encontra-se na cidade holandesa de Eindhoven, onde um complexo residencial foi construído com luzes amigas dos morcegos, proporcionando um refúgio às espécies raras destes mamíferos voadores.


Subscrever a Newsletter

0 comentários. Diz-nos o que pensas

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.