Dois “hotéis de insetos”, construídos pelo ATL do CRIVA com o apoio da Câmara Municipal da Moita, foram colocados na Zona Ecológica do Parque Hortícola do Vale da Amoreira.

Hotel de abelhas

Dois “hotéis de insetos”, construídos pelo ATL do CRIVA com o apoio da Câmara Municipal da Moita, foram colocados, no dia 11 de abril, na Zona Ecológica do Parque Hortícola do Vale da Amoreira.

Os “hotéis de insetos” são estruturas construídas em madeira e outros materiais, para abrigo de diversos insetos que podem ser úteis no controlo de pragas ou na polinização, tais como joaninhas, crisopas, borboletas, abelhas e zangões.

Os hotéis foram colocados numa zona contígua à área reservada a hortas que foi criada em 2018, com apoio financeiro do Programa Lisboa 2020, tendo como objetivo principal proteger a linha de água aí existente e construir uma galeria ripícola, ou seja, uma zona naturalizada de vegetação com árvores, arbustos e herbáceas que estabiliza as margens e atua como filtro biológico de depuração da água. Esta área inclui também um percurso interpretativo para visitação e educação ambiental.

Subscrever a Newsletter

0 comentários. Diz-nos o que pensas

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.