Todas as escolas do Distrito Escolar de Santa Barbara deixaram de servir carnes processadas, incluindo bacon, salsichas, fiambre e chourição, aos estudantes.

Crianças a comer

Desde setembro, todas as escolas do Distrito Escolar Unificado de Santa Bárbara (SBUSD), na Califórnia, deixaram de servir carnes processadas, incluindo bacon, salsichas, fiambre e chourição, aos seus alunos. A medida fez deste o primeiro distrito escolar a proibir as carnes processadas nos Estados Unidos.

“O SBUSD está empenhado em servir aos alunos alimentos nutritivos que os ajudarão a crescer e a aprender. É a coisa certa a fazer para garantir que os nossos alunos estão a receber alimentos da mais elevada qualidade possível”, disse Nancy Weiss, diretora do serviço de alimentação do distrito escolar.

Desde que ocupou este cargo em 2007, Nancy Weiss tem feito manifestos progressos na alimentação escolar. Antes da sua chegada, o distrito servia sobretudo refeições pré-preparadas e tinha parcerias com restaurantes de fast-food como o McDonald’s e o Taco Bell.

Hoje em dia, o SBUSD serve refeições cozinhadas na hora, utilizando cereais integrais, vegetais e frutas frescos de produção biológica local.

O distrito escolar também oferece uma opção vegetariana para cada refeição. Estas opções esgotam com frequência mais rapidamente do que as refeições com produtos de origem animal. Dos dois milhões de refeições servidas anualmente pelo SBUSD, aproximadamente 50% são vegans.

“A remoção da carne processada do menu e a aposta em alternativas de origem vegetal ajudará não só a reduzir o risco de cancro nos alunos, como também reduzirá o risco de doença cardíaca, obesidade e diabetes no futuro dos mesmos”, disse Maggie Neola, dietista do Comité para a Medicina Responsável.

No início deste ano, vereadores da Câmara Municipal de Nova Iorque apresentaram um projeto que proibiria as carnes processadas em todas as escolas públicas da cidade.
Foto: USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos)


Subscrever a Newsletter

0 comentários. Diz-nos o que pensas

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.