Um supermercado britânico está a vender bouquets “imperfeitos” a preços reduzidos, para encorajar os clientes a dar uma oportunidade a estas flores.

Bouquet

A Morrisons, uma cadeia britânica de supermercados, está a vender bouquets de flores “imperfeitas” a preços reduzidos.

A iniciativa pretende reduzir o desperdício, encorajando os clientes a dar uma oportunidade a estas flores, que não se desenvolveram devidamente devido ao tempo quente e seco que se tem feito sentir, e tornar o preço dos bouquets mais acessível.

“Seria uma pena ver estas flores bonitas serem desperdiçadas só porque os seus caules são um pouco mais curtos”, disse Drew Kirk, da Morrisons. “A nossa gama ‘imperfeita’ ajuda os produtores e os agricultores a reduzirem o desperdício e, ao mesmo tempo, permite aos clientes comprar flores com mais frequência.”

Em vez das habituais cinco libras esterlinas (5,60€), estes bouquets custarão £3 (3,40€) e a diferença, em termos de qualidade e aparência, será marginal, explicou Drew Kirk.

Bouquets
Fotos: Morrisons

O primeiro bouquet imperfeito à venda foi de girassóis e estátice com caules mais curtos do que é costume.

Em 2017, a Morissons já tinha começado a vender frutas e vegetais imperfeitos, que normalmente seriam descartados devido a imperfeições estéticas, como manchas ou deformações.

Vários outros supermercados têm embarcado na luta contra o desperdício alimentar com iniciativas semelhantes. O mais recente é o Lidl, que está a testar a venda de caixas com 5 kg de vegetais e frutos imperfeitos por apenas 1,70€, no Reino Unido.

Subscrever a Newsletter

0 comentários. Diz-nos o que pensas

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.