Com o novo selo “livre de plástico”, os consumidores saberão à primeira vista se os produtos que querem comprar contêm plástico nas suas embalagens.

Produtos com selo livre de plástico

O novo selo “livre de plástico” vai permitir aos consumidores saberem, à primeira vista, se os produtos que querem comprar contêm plástico nas suas embalagens. O selo será exibido nos alimentos e bebidas, tornando a escolha de alternativas ao plástico mais fácil.

O supermercado britânico Iceland vai começar a utilizar esta rotulagem nos produtos da sua marca ainda este mês, como parte do seu compromisso para eliminar as embalagens descartáveis de plástico dos seus produtos até 2023.

A cadeia holandesa de retalho Ekoplaza – a primeira do mundo a inaugurar um corredor de supermercado sem embalagens de plástico – também irá utilizar o selo nas suas 74 lojas até ao final do ano.

O grupo A Plastic Planet, que desenvolveu o selo, espera que outras empresas se juntem à causa.

“Agora que todos sabemos os danos que a nossa dependência do plástico causou, queremos fazer a coisa certa e comprar produtos sem plástico. Mas é mais difícil do que se pensa e um selo claro e direto é muito necessário”, disse Sian Sutherland, cofundadora do A Plastic Ocean.

Selo Plastic Free

“O nosso selo de confiança resolve a confusão dos símbolos e rótulos e diz-nos uma coisa – esta embalagem não tem plástico”, explicou a ativista. “Os consumidores podem finalmente ser parte da solução e não do problema.”

Para além dos artigos claramente embalados em plástico, muitos outros produtos comuns utilizam algum tipo de plástico nas suas embalagens.

Recentemente, os consumidores de chá e infusões ficaram surpreendidos ao descobrir que as saquetas destes produtos contêm muitas vezes polipropileno, um plástico que é usado para ajudar a preservar a forma das saquetas quando estas são imergidas em água a ferver.

Para mostrar que os seus produtos não utilizam este material, a marca de chá Teapigs também decidiu ostentar o novo selo nas suas embalagens. “O nosso chá nunca utilizou plástico e as nossas saquetas (que conservam o chá) são feitas de NatureFlex que parece plástico mas é feito de pasta de madeira”, contou Louise Cheadle, cofundadora da Teapigs.

Selo Plastic Free
Selo "Plastic Free"

Com o novo selo, os organizadores esperam revolucionar a forma como as pessoas fazem compras e combater a poluição por plástico no mar.

Todos os anos, pelo menos oito milhões de toneladas de plástico acabam no oceano. Se não forem tomadas medidas preventivas, estima-se que haverá mais plástico do que peixes (por peso) no oceano em 2050.

Os animais marinhos que ingerem estes resíduos não os conseguem digerir, o que lhes causa vários problemas de saúde, e mesmo os seres humanos que comem peixe e marisco podem chegar a ingerir 11 mil microplásticos por ano.

Subscrever a Newsletter

0 comentários. Diz-nos o que pensas

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.