A Alemanha planeia endurecer as condições para a utilização de inseticidas de forma a proteger a biodiversidade do país.

Abelha

A Alemanha planeia endurecer as condições para a utilização de inseticidas – agroquímicos que protegem as plantas de insetos – de forma a proteger a biodiversidade do país.

“A biomassa de insetos caiu mais de 75%, nos últimos 27 anos, na Alemanha”, diz um documento do ministério do Ambiente, que aponta como principal causa o uso desproporcionado de herbicidas e pesticidas.

O ministério afirmou ainda que planeia aumentar a proporção de terras de cultivo que terão de cumprir imposições ambientais e que as condições para a utilização de fertilizantes também deverão ser revistas.

A decisão de dificultar a obtenção de licenças para a utilização de agroquímicos segue os planos elaborados pela ministra alemã da Agricultura, Julia Klöckner, com vista a limitar o uso do herbicida glifosato.


Subscrever a Newsletter

0 comentários. Diz-nos o que pensas

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.