A Comissão Europeia suspendeu, hoje, a votação sobre a renovação da licença do uso do glifosato.

Roundup

Os 28 Estados-membros iam votar hoje, 25 de outubro, a proposta de Bruxelas de renovar a licença do uso do glifosato (Roundup, da Monsanto) por mais 10 anos, mas confrontada com uma possibilidade de chumbo, a Comissão Europeia suspendeu a votação.

“Os europeus foram claros. Querem a proibição. Sondagens mostram que 75% dos cidadãos europeus querem uma proibição total do uso de glifosato”, disse David Schwartz, coordenador da Iniciativa de Cidadania Europeia (ICE).

Em 2015, um estudo da Agência Internacional para a Investigação do Cancro (IARC) da Organização Mundial de Saúde (OMS) considerou o glifosato como um “carcinogénio provável”.

França, que em junho de 2016 votou contra o prolongamento da licença do glifosato por 18 meses (até 31 de dezembro de 2017), afirmou hoje que se encontra disposta a aceitar o prolongamento da licença por mais quatro anos.
A licença atual expira no fim de 2017.

Foto: Mike Mozart

Subscrever a Newsletter

Partilha:

0 comentários. Diz-nos o que pensas

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.