O Reino Unido vai banir a venda de carros novos movidos a gasóleo ou gasolina até 2040.

Carro elétrico

O Reino Unido vai banir a venda de carros novos movidos a gasóleo ou gasolina até 2040, promovendo uma mudança gradual para os carros elétricos e híbridos de forma a reduzir a poluição.

O governo britânico identificou 81 estradas em 17 cidades britânicas onde as emissões ultrapassam as metas comunitárias. Calcula-se que a má qualidade do ar esteja relacionada com a morte prematura de 40 mil pessoas por ano no Reino Unido.

Duas semanas antes, o Governo francês tinha anunciado também a sua estratégia para acabar com os automóveis a gasóleo e a gasolina até à mesma data. O ministro francês da Transição Energética, Nicolas Hulot, anunciou que o governo irá oferecer um bónus aos contribuintes com menos meios económicos para que possam trocar o seu automóvel mais poluente por um carro elétrico ou híbrido, de forma a substituir os carros a gasolina anteriores a 1997 ou a diesel anteriores a 2001.

As empresas de automóveis estão também a adaptar-se a estas mudanças. A Volvo anunciou recentemente que a partir de 2019 só vai construir automóveis elétricos ou híbridos. A Tesla vai lançar um modelo mais barato, com um custo de cerca de 30 mil euros. A fábrica portuguesa da Fuso começou a fabricar o primeiro camião ligeiro de mercadorias 100% elétrico, conta o Jornal de Negócios.

A China é o maior mercado para veículos elétricos, com mais de 200 milhões de automóveis e 300 mil autocarros elétricos. Na Noruega, 29% dos veículos vendidos, em 2016, eram elétricos.

Subscrever a Newsletter

Partilha:

0 comentários. Diz-nos o que pensas

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.