A Mammy Susy é uma marca portuguesa de artigos de vestuário feitos à mão, à medida, com muito carinho.

Alpargatas Mammy Susy

A Mammy Susy é uma marca portuguesa de artigos de vestuário feitos à mão, à medida, com muito carinho.

O UniPlanet falou com Susana Venâncio, a criadora da Mammy Susy, para conhecer o seu projeto de upcyling (transformação de materiais usados ou em fim de vida em novos produtos).


UniPlanet (UP): Como começou a associar o uplcycling à sua marca de roupa?

Sou professora de artes visuais e desde sempre fiz actividades com os alunos que obrigassem à reutilização de materiais. No ano letivo 2015/2016 foi-me atribuída uma disciplina de um curso vocacional de design de moda. Alunos especiais com necessidade de uma componente mais prática. Foi então que sugeri a ideia de começar a transformar peças de ganga, em fim de vida, em novas peças de moda. Logo depois surgiu a vontade de começar aplicar a ideia à minha marca, e foi aí que surgiu o conceito ligado à moda.

Comecei com as alpargatas eco sustentáveis, feitas a partir de uma peça de roupa, fornecida pelo cliente. Quem nunca teve aquela peça de roupa que rompeu ou deixou de servir, mas tem pena de deitar fora?!
Uma saia pode dar para fazer umas alpargatas, decorar um chapéu de palha e ainda dá para fazer uma clutch bag ou quem sabe um par de sapatos igual para cada membro da família (faço peças para criança, mulher e homem).




São feitas artesanalmente com sola de juta, que é uma fibra natural e biodegradável. Têm uma sola de borracha que protege a juta do contacto com a água. Neste momento ainda faço com solas de borracha nova, mas queria estudar a hipótese de colocar uma sola de um material reutilizado. Quem sabe de pneus usados ou algum material semelhante.
Aqueles que já têm umas alpargatas Mammy Susy e a sola já está gasta, não têm de as deitar fora. Enviam-me o artigo e coloco uma nova, aproveitando toda a parte superior (se ainda estiver em bom estado), desta forma podem poupar na carteira e no ambiente.
Tenho como objetivo crescer com este projecto, quem sabe um dia poder dedicar-me apenas ao upcycling.

O próximo passo vai começar já na próxima estação. Tenho muitos desperdícios de tecidos, de lã e pretendo fazer peças para os reutilizar. Tenho também em mente transformar “capas de estudante” em capas Mammy Susy, especialmente pensadas para usar em babywearing.
As minhas preocupações ambientais já existiam antes, pois dei sempre preferência à utilização de fibras naturais (algodão, linho, bambu, seda e lã) e de preferência produção biológica e fiação sem químicos.
O projecto Mammy Susy nasceu, numa velha máquina a pedal e num lugar onde as preocupações ecológicas sempre existiram e a beleza natural nos motiva à preservação do meio ambiente. Manteigas é um território privilegiado e singular em pleno Parque Natural da Serra da Estrela, cujas condições naturais, ecológicas e paisagísticas deslumbram naturais e visitantes. Tal como o slogan diz: “Manteigas vale por Natureza”.



UP: Normalmente como decorre o processo de criação dos seus artigos? Onde vai buscar os tecidos que utiliza?

Todo o meu processo criativo nasce da conversa com o cliente. A troca de ideias e sugestões dá origem a um processo muito motivador. Chegar ao fim e perceber que consegui fazer exactamente o que o cliente pediu dá-me uma satisfação muito grande.

Nesta fase inicial, uso a peça de roupa facultada pelo cliente, no caso das alpargatas, e desperdícios de tecidos que tenho de outras peças que faço. No entanto, penso numa próxima fase comprar roupa em segunda mão.



UP: Podemos solicitar artigos personalizados?

Todos os artigos Mammy Susy são personalizáveis. Aliás, o conceito dos artigos da minha marca é cada artigo ser único, feito ao gosto de cada cliente.


UP: Onde podemos encontrar mais informação sobre a Mammy Susy?

Através da página do facebook, no site ou na loja física em Manteigas.

Alpargatas Mammy Susy

Manteigas, berço do projeto Mammy Susy (Fotos de Miguel Serra)


Manteigas no Outono

Manteigas no Inverno

Manteigas no Verão

Subscrever a Newsletter

Partilha:

0 comentários. Diz-nos o que pensas

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.