A Guatemala aprovou um projeto de lei contra a crueldade para com os animais, que proíbe os testes de cosméticos em animais e as lutas de cães.



O Congresso de Guatemala aprovou, em fevereiro de 2017, um projeto de lei múltipla contra a crueldade para com os animais, que cria proteções para os animais de companhia, a fauna selvagem e os animais em laboratórios e circos.

A nova legislação proíbe os testes de cosméticos em animais e as lutas de cães, prevendo sanções para os espectadores desta atividade.

Entre outras medidas, a lei promoverá programas de esterilização e campanhas de sensibilização para a posse responsável de animais de estimação. Também passa a ser ilegal o abandono de animais.

“A lei cria uma plataforma oficial do governo para atender ao bem-estar animal”, declarou Wayne Pacelle, presidente da organização Humane Society, que louvou a decisão do governo guatemalteco.

Subscrever a Newsletter

Partilha:

0 comentários. Diz-nos o que pensas

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.