O cinema é levado às aldeias por António Feliciano, "o último projecionista ambulante do país".

António Feliciano

A iniciativa “Cinema nas Aldeias” foi lançada em setembro de 2015 e tem levado a projeção de filmes a várias aldeias do concelho de Odemira.
"Sendo o maior concelho do país, temos também um interior que tem sofrido com a desertificação e com o envelhecimento e pretendemos desta forma promover a dinamização dessas zonas", explicou Deolinda Seno Luís, a vereadora responsável pelo projeto. As distâncias a percorrer e o envelhecimento da população dificultam a deslocação às duas únicas localidades do concelho onde há cinema mais frequentemente, Odemira e Vila Nova de Milfontes.

A iniciativa "apela à memória coletiva da população", remetendo para o tempo em que o "cinema ambulante" era mais comum. O cinema é levado às aldeias por António Feliciano, "o último projecionista ambulante do país", que reside no concelho e é proprietário do cinema Girasol, em Vila Nova de Milfontes.
Quatro aldeias do concelho de Odemira vão acolher estas sessões gratuitas de "cinema ambulante" durante o mês de setembro, às 21:30.

Programa:
7 de setembro, Centro Social de Luzianes-Gare
9 de setembro, Centro Social de Ribeira do Seissal
12 de setembro, Centro Social de Bicos
14 de setembro, Casa do Povo de Santa Clara-a-Velha

Fontes: Câmara Municipal de Odemira e DN
Foto: Orlando Almeida/Global Imagens
Partilha:

Comentários:

0 comentários. Diz-nos o que pensas

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.