Mesmo quando não estão a fazer espetáculos, a vida dos animais do circo não é muito melhor.

Zebra num circo

Este vídeo da organização Animal Defenders International mostra as difíceis condições em que vivem os animais do circo – neste caso, o Circo de Peter Jolly –, quando não estão em tour.

A vida destes animais é uma longa história de maus-tratos e negligência. Os animais mantidos em cativeiro em circos e zoos apresentam, frequentemente, comportamentos psicóticos ou apáticos, como andar ou balançar a cabeça continuamente de um lado para o outro ou, até mesmo, automutilar-se. Para além disso, os circos são conhecidos por maltratar os seus animais durante os treinos, especialmente quando estes não conseguem fazer um truque corretamente. Os elefantes, por exemplo, são “disciplinados” com ganchos e correntes, regularmente.

Depois destes animais deixarem a tenda de espetáculos, têm de viver em condições não muito melhores. Como se pode ver no vídeo, vivem em espaços sobrelotados, onde têm de aguentar muitas horas sem água e sem se poderem mover livremente, o que resulta em lutas entre eles.

Não apoie este tipo de espetáculo. Não vá a circos com animais!



Foto: Chester & Cheshire News
Partilha:

Comentários:

0 comentários. Diz-nos o que pensas

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.