A Amazon vai lançar um projeto-piloto no qual uma equipa de 12 pessoas vai ter uma semana de trabalho de 30 horas.

Caixa da Amazon

A Amazon vai lançar um projeto-piloto no qual uma equipa de 12 pessoas vai ter uma semana de trabalho de 30 horas, trabalhando de 2ª a 5ª, das 10 às 14 horas, com a realização das restantes 14 horas semanais em horário flexível. A medida implica uma redução de 25% do salário, segundo o The Washington Post. Os trabalhadores podem regressar às 40 horas a qualquer momento, se o desejarem.

“Esta iniciativa foi criada a pensar na força de trabalho diversificada da Amazon e partindo do princípio que o modelo de horário a tempo inteiro pode não ser o melhor modelo para todos os trabalhadores, pode ler-se num resumo de uma reunião da Amazon.

O programa piloto parece ser uma forma da empresa responder às críticas de que tem sido alvo acerca das suas práticas laborais. Jeff Bezos, fundador da Amazon e presidente da empresa tem sido acusado de ser um gestor implacável no que diz respeito aos recursos humanos e de basear as suas decisões de gestão tendo em conta apenas os números.
Partilha:

Comentários:

0 comentários. Diz-nos o que pensas

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.