O consórcio Galp/Eni adiou a pesquisa de petróleo na costa alentejana. Voltarão a avaliar em 2017 se vale a pena fazer o investimento.

Galp

O consórcio Galp/Eni adiou o furo para pesquisar o 1º poço de petróleo ao largo da costa alentejana, a 46,5 km de Aljezur em frente ao Parque Natural da Costa Vicentina.
Esta pesquisa estava prevista para o verão deste ano, mas na conferência de imprensa de apresentação dos resultados da empresa, o presidente da Galp Energia explicou que o 1º furo exploratório foi adiado sem nova data prevista.

A italiana ENI (que tem 70% do consórcio) e a Galp voltarão a avaliar em 2017 se vale a pena fazer o investimento.
A associação ambientalista Zero aplaudiu este adiamento, referindo que agora o governo terá margem para cancelar a exploração de petróleo na região.

Fonte: TSF
Partilha:

Comentários:

0 comentários. Diz-nos o que pensas

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.