Peter Janssen, ativista holandês do Vegan Strike Group, invadiu pacificamente a arena do Campo Pequeno e foi agredido pelos espetadores.

Ativista protesta no Campo Pequeno

Peter Janssen, ativista holandês do Vegan Strike Group, invadiu pacificamente a arena do Campo Pequeno, em Lisboa, durante o intervalo da corrida de touros “Grande Corridas Vidas/Correio da Manhã", no dia 2 de junho.
De tronco nu, tinha a mensagem "Basta de tortura" à frente e "Respect for animals (Respeito pelos animais)” nas costas, entrou na arena a segurar um cartaz.

Janssen não apresentou resistência e quando foi escoltado para fora da arena, à saída foi brutalmente agredido com murros e pontapés por um grupo de espetadores. A PSP, quando se aproximou, afastou-o da multidão e não identificou nenhum dos agressores. Os promotores do evento, Flash Vidas e o Correio da Manhã, apresentaram queixa contra o ativista, que foi preso pela PSP e depois libertado para receber tratamento médico no Hospital de Santa Maria.

O Vegan Strike Group condenou as agressões, afirmando que "a violência com que estes cobardes cercaram o nosso colega foi terrível. Pontapés, murros e até dentadas. Não há uma zona do seu corpo que não tenha nódoas negras, arranhões ou marcas de dentes".

O intendente Hugo Palma, da Direção nacional da PSP, disse ao DN que "a polícia tentou protegê-lo", mas até conseguir retirá-lo da praça de touros este sofreu agressões, possíveis de se comprovar pelas marcas que tinha no corpo.
O exterior da praça do Campo pequeno costuma ser palco de vários protestos anti-touradas, no entanto, o intendente Hugo Palma não tem memória de um incidente como este.

Peter Janssen já fez este tipo de protestos, pelo qual é famoso o Vegan Strike Group, noutros eventos tauromáquicos. A 27 de maio invadiu a praça de touros de Córdoba, em Espanha.




Ativista protesta no Campo Pequeno

Ativista protesta no Campo Pequeno

Ativista com nódoas negras depois de ser agredido

Fontes: Público, DN, Esquerda e Vegan Strike Group
Partilha:

Comentários:

1 comentários. Diz-nos o que pensas

  1. Há uns anos, na França, um grupo de activistas que invadiram pacificamente a arena também foram agredidos; num misto de violência e machismo, vários aficionados atacaram simultaneamente uma mulher desse grupo, rasgando-lhe as roupas e arrancando-lhe o soutien. Selvagem é piropo para definir o comportamento dos defensores da tauromaquia.

    ResponderEliminar

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.