Uma equipa de artistas filipinos pintou aguarelas com pigmentos da água suja dos rios poluídos de Manila. O resultado é incrível.


A água poluída dos rios de Manila inspirou uma equipa de artistas filipinos a pintar aguarelas com pigmentos da água suja, para chamar a atenção para o problema de degradação ambiental.
No âmbito da exposição “Aguarelas Sujas”, foram encomendadas, a 9 artistas, pinturas feitas com pigmentos esterilizados dos rios contaminados da capital das Filipinas.

Os quadros retratam cenas do dia-a-dia ao longo das margens dos rios de Manila, desde crianças a banharem-se na água poluída a pessoas a abrigarem-se debaixo de uma ponte, e podem ser adquiridos por 40 000 pesos filipinos (770€) ou mais. As receitas vão reverter para instituições de caridade.

“No princípio, foi difícil porque foi a primeira vez que eu experimentei trabalhar com pigmentos sujos e, depois, havia o cheiro”, disse JC Vargas, um dos artistas. “Embora os pigmentos já tivessem sido descontaminados, o cheiro do lodo ainda estava presente e isso foi um grande desafio para nós, os artistas.”

O governo das Filipinas e várias ONGs têm tentado, ao longo de muitos anos, limpar os rios poluídos, mas o problema ainda persiste, informa a Reuters.













Partilha:

Comentários:

0 comentários. Diz-nos o que pensas

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.