A Filadélfia aprovou uma lei, dia 14 de abril, que proíbe a venda de cães e de gatos em lojas de animais e em locais ao ar livre, como as feiras.

Cachorros numa loja de animais

A Filadélfia aprovou uma lei, dia 14 de abril, que proíbe a venda de cães e de gatos, criados comercialmente, em lojas de animais e em locais ao ar livre, como feiras e estradas. Uma decisão que poderá ter um enorme impacto no comércio de animais (nas puppy mills dos EUA).
“Isto não só cria uma rutura no mercado das puppy mills, como também mostra que a maior cidade da Pensilvânia, que é um importante Estado para as puppy mills, se posiciona contra a crueldade deste negócio”, diz John Goodwin, da Humane Society dos Estados Unidos (HSUS).

Segundo a HSUS, cerca de 10 mil puppy mills nos EUA fornecem mais de 2 milhões de animais por ano para as lojas de animais espalhadas pelo país. E, para cada filhote, há uma mãe que passa a sua vida a ser obrigada a reproduzir-se até à exaustão em nome do lucro.
Devido aos padrões extremamente baixos estipulados pelo Animal Welfare Act, muitos destes locais de reprodução permanecem legais. A lei, por exemplo, não estabelece um limite para o número de animais, o que leva à sobrelotação e às más condições dos locais. Os criadores podem ainda colocar gaiolas em cima umas das outras com um piso de arame (que é desconfortável e anti-higiénico).

C~eas em jaulas numa puppy mill com más condições nos EUA

A Filadélfia junta-se a Boston, onde a proibição foi decretada em março, e a Phoenix (Arizona), onde foi em agosto de 2015.
“Aplaudimos o Conselho da Cidade da Filadélfia pela aprovação desta importante lei de proteção do bem-estar dos animais e dos consumidores”, declarou num comunicado Kristin Tullo, diretora do estado da Pensilvânia do HSUS.
“Outra grande cidade americana tomou uma posição contra as puppy mills, o que nos deixa um passo mais próximos de as puppy mills não terem nenhum sítio onde vender”, acrescentou.

Veja também o documentário Segredos do Pedigree dos Cães .

Fontes: ANDA e The Dodo

Um vídeo que mostra uma investigação da HSUS em lojas de animais:

Partilha:

Comentários:

0 comentários. Diz-nos o que pensas

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.