O Ocean Ceanup é um projeto revolucionário que pretende recolher o lixo que existe nos oceanos. Foi inventado por Boyan Slat quando tinha apenas 17 anos e vai ser implementado no Verão de 2016, a 23 km da costa holandesa, no Mar do Norte.
O Ocean Cleanup é composto por uma plataforma flutuante que se move pelo oceano e aproveita as principais correntes marítimas para concentrar os detritos de plástico, que são posteriormente recolhidos. O sistema permite armazenar até 3 000 metros cúbicos de plástico de cada vez – o que equivale a uma piscina olímpica – num único local. A plataforma é completamente auto-sustentável, uma vez que utiliza sistemas de produção de energia solar e da força das correntes marítimas.

A The Ocean Cleanup Organisation vai instalar uma barreira de 100 m naquela zona do Mar do Norte com a função de recolher sacos de plástico, garrafas e outros resíduos, plásticos ou não, que lá se encontrem. O sistema permite que os animais, como golfinhos, focas ou peixes passem em segurança.
“Será a primeira vez que o design da nossa barreira será testado em águas livres”, explicou a fundação num comunicado. “O principal objetivo do teste do Mar do Norte é monitorizar os efeitos das condições do mar a todo o momento, com o foco nas ondas e correntes”, explica. Todo o sistema será monitorizado com câmaras e sensores.
O projeto começou a ser desenvolvido em 2013, com o apoio de uma vasta equipa de engenheiros e cientistas.

Fontes: Green Savers e Daily Mail












Partilha:

Comentários:

1 comentários. Diz-nos o que pensas

  1. Boas!

    Para não variar andamos sempre a desperdiçar recursos não nas causas mas nos efeitos...

    Claramente a MUDANÇA não nos interessa em absoluto!

    ResponderEliminar

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.