Num artigo da IKEA sobre como deitar fora uma lâmpada de baixo consumo podemos ler os pontos seguintes, que nos põem a pensar: será que são assim tão boas para o ambiente...?

Como deitar fora uma LFCi (Lâmpada Fluorescente Compacta integrada) quando esta já não funciona.
Estas lâmpadas não devem ser colocadas no lixo doméstico. Em vez disso, devem colocar-se no ponto de recolha correspondente, de acordo com a legislação ambiental local referente à eliminação de resíduos.(...)

Enquanto cliente, o que significam estas medidas para mim?
Ao garantir que as LFCi são colocadas no lugar adequado e que são correctamente recicladas estará a evitar algumas consequências nefastas para o ambiente e para a saúde humana. Por exemplo, todas as lâmpadas contêm mercúrio, que se for libertado no fluxo normal de resíduos, pode ser prejudicial à saúde humana e ao ambiente. A eliminação de resíduos deve realizar-se de acordo com a legislação ambiental local.

Como sei que uma LCFi não deve ser colocada juntamente com o lixo doméstico e que deve ser reciclada?
Como todos os produtos eléctricos e electrónicos as LFCi estão assinaladas com o símbolo de um caixote de lixo com uma cruz vermelha por cima. Este é um símbolo europeu para a Directiva WEEE (Waste of Electric and Electronic Equipment) e significa que quando um produto chega ao seu final de vida deve ser entregue para reciclagem, no local adequado.

O que acontece com uma LFCi que entrego?
As LFCi são entregues ao cuidado de empresas de reciclagem aprovadas, especialistas em processos de reciclagem. Normalmente, cerca de 80% de uma LFCi é reciclado para aproveitar materiais (metal, vidro, mercúrio). O plástico é o material que constitui os restantes 20% e, normalmente, é utilizado na produção de energia. Apenas uma pequena quantidade de resíduos electrónicos são desperdiçados.

Quebra
Ao partir uma lâmpada fria, é libertada uma pequena quantidade de mercúrio em forma de gotas. As gotas caem rapidamente no chão, juntamente com os pedaços da lâmpada partida, por exemplo, vidro partido. Se partir uma lâmpada quente, é libertado para o ar algum mercúrio em estado gasoso.

Recomendações para quando se parte uma lâmpada fria.
Recolha os pedaços da lâmpada partida, usando, por exemplo, um bocado de papel duro ou cartão, e coloque-os num frasco de vidro com tampa. De seguida, limpe o chão com um pano húmido. Coloque o pano num frasco de vidro, feche bem e coloque uma etiqueta com a devida informação, por exemplo: "poderá conter mercúrio de uma lâmpada de baixo consumo". Coloque o frasco em instalações de reciclagem adequadas para resíduos prejudiciais ao ambiente. Não utilize o aspirador. Existe o risco do aspirador vaporizar as gotas de mercúrio para o ar, aumentando o risco de inalação.

Recomendações para quando se parte uma lâmpada quente.
Feche as portas da divisão onde a lâmpada se partiu. Abra as janelas da divisão e abandone o espaço. A Federação Europeia dos Produtores de Lâmpadas (ELC) recomenda que ninguém permaneça na divisão durante 20-30 minutos. Mais tarde, recolha os pedaços da lâmpada partida usando, por exemplo, papel duro ou cartão, e limpe o chão ou outras superfícies com um pano húmido. Coloque o pano num frasco de vidro, feche bem e coloque uma etiqueta com a devida informação, por exemplo: "poderá conter mercúrio de uma lâmpada de baixo consumo". Coloque o frasco em instalações de reciclagem adequadas para resíduos prejudiciais ao ambiente. Não utilize o aspirador. Existe o risco do aspirador vaporizar as gotas de mercúrio para o ar, aumentando o risco de inalação.
Fonte: Swedish Chemicals Agency
Partilha:

Comentários:

3 comentários. Diz-nos o que pensas

  1. Olá Mab...

    ihih rio-me pois já conhecia... e adoro a falácia da Propaganda... nunca nos contam a história toda!

    E vê lá se já sabias desta? Podes fazer dois em um...

    bjh

    ResponderEliminar
  2. eheh.. Mab... a ironia continua... só podes ler esta notícia depois de leres a do comentário anterior... aprecia que vale a pena!

    ResponderEliminar
  3. Já devíamos saber que sempre que há muita história, muita propaganda em volta de um produto - estamos a ser enganados...

    ResponderEliminar

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.