Quando Justo Gallego começou, nos anos 60, o seu projecto audacioso, poucos acreditaram que, 50 anos depois, a sua catedral ainda estivesse de pé e continuasse a crescer.

Agora, aos 85 anos, Don Justo vê a obra que construiu, quase sozinho, atingir 40 metros de altura, com as suas torres e enorme cúpula, destacando-se dos edifícios circundantes, em Mejorada del Campo, perto de Madrid. Mas talvez mais impressionante do que o processo de construção sejam os materiais utilizados na obra – telhas quebradas, tijolos rejeitados, latas, rodas de bicicletas – materiais reaproveitados e sucata, que recolhe de fábricas e terrenos vizinhos.


A estrutura da igreja inspira-se em diversas catedrais, castelos e monumentos conhecidos, como a Basílica de São Pedro, no Vaticano, e a Casa Branca; no entanto, o edifício não tem licença de construção ou projectos arquitectónicos oficiais porque, como uma declaração numa das paredes informa, Justo Gallego "não é arquitecto, nem pedreiro" e "não tem formação relacionada com a construção".

De facto, Don Justo deixou a sua vida de agricultor, aos 27 anos, para se tornar um monge beneditino; mas, após ter contraído tuberculose, foi-lhe pedido que abandonasse o mosteiro. Depois de recuperar, dedicou a sua vida à construção da catedral, usando o seu próprio dinheiro e donativos.

A Câmara Municipal tolera a estrutura ilícita – afinal, chegam constantemente visitantes e turistas para a ver – e até terá de admitir que o excêntrico ícone de Mejorada del Campo dificilmente será derrubado.

"Se eu vivesse a minha vida novamente, construiria, de novo, esta igreja, só que maior. Com o dobro do tamanho”, diz Don Justo, sorrindo.  "Porque, para mim, este é um acto de fé".
Fonte: BBC News

Subscrever a Newsletter

Partilha:

2 comentários. Diz-nos o que pensas

  1. Que beleza! O que mais me chama a atenção é a beleza da idéia dele da arquitetura dele! E ninguém ajuda o Don Justo a terminar a obra gente!.. nem a legalizar.. basta um arquiteto analisar o projeto reforçar o que for preciso... Olha eu defendendo, e sonhando! ë que é muito poética a atitude dele a escolha de vida dele! E sua Catedral é poesia pura, mesmo assim... a ser completada! Mesmo esta cúpula no ferro, é belíssima!
    Belo post!
    A propósito, como colocou slides na postagem? Ficou barbado!

    ResponderEliminar
  2. Olá William,
    muito obrigado pelo comentário!
    Uma construção maravilhosa!! E é exactamente o que eu penso - porque será que não há mais gente a ajudar Don Justo a terminar a sua catedral e não há um único arquitecto que ajude a tornar o edifício seguro? Afinal de contas, já passaram muitos anos desde que foi colocada a primeira pedra...

    Para o slideshow, segui esta dica do Lifehacker.

    ResponderEliminar

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.