Lá traz a cegonha
No bico um raminho
De meia encarnada
Vem dando a chegada
Ao seu velho ninho

Senhora cegonha
Como tem passado?
Não há quem a veja
Não vai para a igreja
Pousar no telhado

Ao seu velho ninho
Ponha ovos, ponha
Que seja bem-vinda
Branquinha, tão linda
Lá vem a cegonha

Vem chegando Agosto
Um bando levanta
Anunciando a hora
De se ir embora
Leva a meia branca
Lá traz a cegonha
No bico o raminho

Grupo Coral Regional de Cantares de Portel
Partilha:

Comentários:

0 comentários. Diz-nos o que pensas

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.