Criadas em finais do século XIX, as duas mais antigas fábricas de sabonetes da Península Ibérica - as portuguesas Ach Brito e Confiança têm dado que falar…

Confiança

A Saboaria e Perfumaria Confiança, agora adquirida pela Ach. Brito, foi fundada em Braga, a 12 de Outubro de 1894, por Silva Almeida e Santos Pereira.

As influências artísticas da Art Nouveau e da Art Déco que se fizeram sentir nos anos 20, estão ainda bem patentes nos produtos clássicos da Confiança. Reflectindo-se, nos originais cunhos usados para dar forma aos sabonetes. A combinação da forma, às características do sabonete e à embalagem, é uma arte para a Confiança.

Os ingredientes usados são de origem natural vegetal (óleos de coco, palma e palmiste) e não são testados em animais.
Todos os produtos da Confiança, continuam a ser fabricados pelos métodos tradicionais (passados de geração em geração) que, aliados ao desenvolvimento tecnológico das matérias cosméticas actuais, permitem atender e obedecer aos mais rigorosos padrões de qualidade. A melhoria dos produtos existentes, em termos de embalagem e de oferta, assim como o desenvolvimento de novos, têm vindo a ser uma constante na Confiança.
A colecção "Portugal", desenvolvida em parceria com a Artlusa, pretende, com os seus 4 sabonetes, recriar alguns dos símbolos nacionais unindo à excelência e tradição dos sabonetes 100% vegetais produzidos pela Confiança e o design mais contemporâneo da Artlusa.

A “Filigrana” recriada com toda a sua riqueza num aroma floral característico do Verão, época das festas tradicionais. O "Fado", com o negro da embalagem, é o mais masculino dos sabonetes da colecção. O “Galo de Barcelos”, o mais comum símbolo de Portugal, com a embalagem mais garrida e um aroma muito tradicional a Alfazema. Os “Bordados de Viana”, recriados com toda a sua delicadeza com um aroma suave de chá branco.

Os produtos estão disponíveis:
- online
- nas lojas depositárias da marca



Ach Brito - Claus Porto

Tudo começou em 1887, quando Ferdinand Claus e Georges Schweder abriram uma fábrica de sabonetes no Porto a que deram o nome Claus & Schweder. Em 1918, Achilles de Brito comprou a empresa e deu-lhe um novo nome: Ach Brito. Mas manteve a marca Claus Porto.

A qualidade dos produtos e as coloridas embalagens conferem-lhe sofisticação, embora os seus sabonetes e caixas sejam feitos manualmente e seguindo antigas tradições.

«A nossa estratégia tem sido entrar pela porta grande. E isso significa estar nas lojas de referência, lojas gourmet, de moda e de prestígio», explica o director-geral da Ach Brito, José Fernandes. «A ideia tinha de ser: estar lá, posicionar a marca por cima. A forma de chegarmos onde queríamos, era estar nas melhores lojas. Foi o que fizemos, com algum sucesso».

Os luxuosos sabonetes da Ach Brito são feitos com óleo natural de coco e de karité, sem ingredientes de origem animal, 100% biodegradáveis e nunca são testados em animais.

"Ainda no outro dia recebemos um e-mail com uma página da Elle da Índia destacando os nossos produtos e, mais uma vez, não pedimos qualquer publicidade", conta o director-geral da empresa gerida pelos irmãos Aquiles e Sónia de Brito, 4ª geração à frente dos destinos desta empresa familiar.

Recentemente, a Ach. Brito lançou quatro novas linhas de produtos da Claus Porto (Melodia, Cerina, Clássico e Fantasia), apresentados na feira parisiense Maison et Objects e em Nova Iorque. O sucesso das linhas Clássico e Fantasia foi tal que, conta José Fernandes, "parou-se quase por completo a produção para Portugal para conseguir embrulhar e despachar as inúmeras encomendas recebidas".

Há 10 anos a Ach Brito exportava 10% do que produzia. Hoje em dia, exporta 50%, do que produz para 40 países, principalmente para os EUA e para a Europa.
Continua a ser uma empresa pequena, mas com perspectivas de crescimento, em Dezembro de 2008 adquiriu a principal concorrente - a Confiança.



Hollywood

Os sabonetes e artigos de banho Claus Porto continuam a ganhar notoriedade entre as estrelas norte-americanas. Kate Moss, Nancy Reagan e Nicolas Cage são alguns nomes que escolheram esta marca. Para José Fernandes, "é este tipo de referências que ajuda a promover a marca no exterior, mesmo sem se fazer publicidade".

Participante, desde 2002, nas edições da Moda Lisboa, onde têm vindo a ser apresentados ao mercado nacional novos sabonetes Claus Porto, a Ach. Brito marcou também já presença em duas edições do Portugal Fashion, entre outros eventos internacionais.

Em 2004, Oprah Winfrey incluiu no seu catálogo de Natal vários produtos da marca Claus Porto.

Em 2005, a Ach. Brito foi contratada pela MTV Europe para fornecer os seus produtos Claus Porto aos artistas convidados para a 12.ª edição dos MTV Europe Music Awards, que se realizou em Lisboa, e, mais recentemente, "fomos contactados para, no âmbito da Presidência da União Europeia, lhes vendermos produtos que foram oferecidos às comitivas estrangeiras que por cá foram passando".

Hoje em dia esta marca pode ser encontrada nos armazéns Harrods, em Londres, nas Galerias Lafayette, em Paris, e na SAKS na 5ª Avenida, em Nova Iorque.

Referências: confiança, lusa, dn sapo, iol

Subscrever a Newsletter

Partilha:

5 comentários. Diz-nos o que pensas

  1. Isso me remonta a marca mais famosa por esse tipo de produção aki no Brasil: a Natura. N sei se aí em Portugal vc conhece, mas creio q sim. Os prdutos da Natura são maravilhosos além de serem relamnete, naturais!!!

    =**

    ResponderEliminar
  2. Que bom! Uma empresa com produtos de qualidade, feitos com muito carinho para o usufruto dos outros, com embalagens cuidadas e muito bonitas e especiais, reconhecidos em todo o mundo, sem produtos de origem animal e sem fazerem testes em animais... Portugal e a Ach Brito devem estar bem orgulhosos e espero que sejam um bom exemplo para todo o Mundo. Parabéns a Ach Brito e Mab :)
    PARA QUANDO A PROIBIÇÃO DE TODOS OS TESTES EM ANIMAIS?!!

    ResponderEliminar
  3. Axo um absurdo tb esse negócio de teste em animais pq por acaso o produto testado vai ser usado em animais?

    ResponderEliminar
  4. Sim, os produtos da Natura também não fazem testes em animais que, realmente, não fazem sentido, uma vez que o nosso organismo reage de forma diferente à dos animais...

    ResponderEliminar
  5. Shuno,
    É sempre importante quando empresas antigas dão passos importantes em direcção a um futuro mais ético! Por isso a Ach Brito merece os parabéns.
    Quanto aos testes em animais na cosmética, espero que o fim esteja para breve, uma vez que grandes marcas de renome os têm vindo a abolir.

    ResponderEliminar

Obrigado pelo comentário! Respeite os outros leitores. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão eliminados.